11.32.2 MOINHO DA ROCHA
ALMAGREIRA • MOINHOS DA ROCHA
CONSTRUÇÃO UTILITÁRIA
AGRÁRIA, PISCATÓRIA OU DE PRODUÇÃO ARTESANAL
ÉPOCA DE CONSTRUÇÃO INICIAL: SÉC.XX
DESCRIÇÃO: Moinho de água integrado numa casa de habitação de planta rectangular com dois pisos. O acesso faz-se por escada e balcão ao nível do piso térreo. À direita do balcão, abaixo do piso térreo, existe um vão em arco onde se encontra o rodízio do moinho. Junto ao edifício existem vestígios de uma levada.
O imóvel é construído em alvenaria de pedra rebocada e caiada, com excepção do soco, dos cunhais e das molduras dos vãos que são pintados de almagre. Os remates do balcão são de cantaria. O pavimento do piso térreo é lajeado. As janelas são de guilhotina de duas folhas. A cobertura é de quatro águas em telha de meia-cana tradicional rematada por beiral duplo.
Existe um pequeno anexo de um piso, com cobertura de uma água, adossado ao topo do balcão (onde se encontra a respectiva porta) e à empena esquerda do corpo principal.
ESTADO DE CONSERVAÇÃO: Mau
FUNÇÃO INICIAL: Habitação e moinho de água
BIBLIOGRAFIA E DOCUMENTAÇÃO DE REFERÊNCIA: "Moinhos de Água. Ilha de Santa Maria. Açores", José Joaquim dos Santos Pereira Cabral, 1997 (estudo não publicado); Ficha 10/Santa Maria da "Inventariação-Moinhos de Vento" da SRTA/DRA.
OBSERVAÇÕES: A imagem reproduzida na ficha 10/Santa Maria da "Inventariação-Moinhos de Vento" da SRTA/DRA não corresponde a este moinho, mas sim a que se encontra na ficha 12 e vice-versa.
DATA DE LEVANTAMENTO: 2000-04-03




seguintes >
mapa: 32
Santa Maria. Vila do Porto
Inventário do Património Imóvel dos Açores
Última actualização em 2006-07-31