Glossário
 

ATAFONA
Edifício de apoio a actividade agrícola, com dois pisos, cujo nome se deve ao engenho de moer cereais, de tracção animal (a atafona propriamente dita), que possui, ou possuía, no piso térreo. A designação estendeu-se às construções cuja funções se limita ao armazenamento de alfaias e produtos agrícolas e da forragem para os animais.

CASA RURAL
Designação utilizada para o complexo constituído, em ambiente rural, pela casa de habitação unifamiliar e pelas construções e espaços anexos destinados a apoiar as actividades domésticas e agrícolas.

CERRADO
Área de terreno originariamente destinada ao cultivo de cereais, cercada por muros de alvenaria de pedra seca de baixa altura.

COMBRO
Murete de reduzida altura que circunda uma eira.

CURRAIS DE VINHA
Divisórias agrícolas formadas por muros de pedra solta, de formato essencialmente rectangular, destinadas ao cultivo da vinha ao abrigo dos ventos marítimos.

GATEIRA
Trapeira (janela elevada no telhado) baixa e larga com uma frente triangular.

IMPÉRIO
Pequena construção que se assemelha a uma ermida, onde se realiza parte das cerimónias das Festas do Espírito Santo e na qual, durante esse período, se expõem as insígnias deste culto.

MEIA-ÁGUA
Pequena estrutura destinada a ampliar ou a ligar duas partes de uma construção, sendo coberta por um telhado de uma ou duas águas ou pelo prolongamento de uma das águas da "edificação-mãe".

MEIA-FALSA
Sótão ("falsa") situado no interior de um compartimento de pé-direito alto, que ocupa apenas uma parte da área desse compartimento.

PALHEIRO
Edificação de apoio a actividade agrícola destinada ao armazenamento de alfaias e produtos agrícolas e da forragem para os animais. Frequentemente inclui um espaço próprio para abrigar o carro de bois.

PRUMO (MOIRÃO)
Peça de formato tubular, geralmente metálica, que se fixa no centro da eira para servir de eixo de rotação.

TORRE
O mesmo que "torrinha" (designação especialmente utilizada na Ilha Terceira).
Espécie de trapeira (janela elevada sobre o telhado) de grandes dimensões destinada a iluminar e ampliar o sótão, por vezes atravessando toda a cobertura desde a fachada ao tardoz, construída total ou parcialmente em madeira e possuindo telhado próprio de duas águas.

TORREÃO
Volume elevado sobre a cobertura de um imóvel, geralmente de planta rectangular e altura correspondente a um piso, construído em alvenaria e possuindo telhado próprio de quatro águas.

TRILHO
Alfaia agrícola utilizada na debulha de cereais, formada por uma prancha de madeira em cuja face inferior são incrustadas pequenas pedras ou pedaços de metal.

Pico. Lajes
Inventário do Património Imóvel dos Açores
Última actualização em 2006-03-09