41.20.15 ImpÉrio de Guadalupe
GUADALUPE • Caminho da Igreja
EDIFÍCIO ISOLADO
ARQUITECTURA RELIGIOSA
ÉPOCA DE CONSTRUÇÃO INICIAL: SÉC.XIX
DESCRIÇÃO: "Império" de planta rectangular situado num cruzamento próximo da igreja.
A fachada principal apresenta uma porta axial, acessível por um conjunto de três degraus, com uma janela de cada lado. Os vãos são rematados em arco quebrado. Acima do nível da soleira da porta há uma faixa abaixo da qual se podem ver dois óculos circulares, actualmente tapados. A fachada é delimitada lateralmente por dois cunhais e superiormente por uma faixa policurvada e encimada por uma cruz. Cada cunhal é encimado por uma urna. Sobre a porta há uma cartela elíptica com a data "1896", encimada por uma coroa do Espírito Santo em alto-relevo.
O interior é simples, tendo apenas um altar e um nicho a eixo da parede do fundo. Tem o tecto revestido a madeira e as paredes pintadas com molduras decorativas.
O edifício é construído em alvenaria de pedra rebocada e pintada de branco, excepto os cunhais, o remate superior da fachada, a faixa e as molduras dos vãos que são em cantaria à vista. A cobertura é de duas águas em telha de meia-cana tradicional com beiral simples.
ELEMENTOS DATADOS: Cartela sobre a porta com a inscrição "1896".
ESTADO DE CONSERVAÇÃO: Bom
FUNÇÃO INICIAL: Império do Espírito Santo
FUNÇÃO ACTUAL: Império do Espírito Santo
DATA DE LEVANTAMENTO: 2004/06/25




seguintes >
mapa: 20
Graciosa. Santa Cruz
Inventário do Património Imóvel dos Açores