71.10.203 ARMAZÉNS DO PORTO DA HORTA
ANGÚSTIAS • PORTO DA HORTA
CONJUNTO EDIFICADO
CONJUNTO DE EDIFÍCIOS OU DE OUTRAS CONSTRUÇÕES
ÉPOCA DE CONSTRUÇÃO INICIAL: SÉC.XIX/SÉC.XX
 
DESCRIÇÃO: Conjunto de dois armazéns, de planta rectangular, de um piso.
Um dos armazéns tem a fachada principal (um dos lados pequenos do rectângulo) voltada para a doca. Esta fachada tem três vãos rematados em arco abatido (dois portões desiguais e uma janela) e é rematada em curva. Sobre os vãos encontra-se a inscrição "JUNTA AUTÓNOMA DO PORTO DA HORTA". É um imóvel construído em alvenaria de pedra rebocada e pintada de branco, excepto o soco e os cunhais que são em cinzento. As grandes paredes divisórias internas são em alvenaria de pedra à vista.
O outro armazém tem uma planta alongada, estendendo-se a sua fachada principal (um dos lados maiores do rectângulo) ao longo da doca. Nesta fachada tem grandes portões de entrada rematados em arco abatido. É um imóvel construído em alvenaria de pedra com as juntas e pedras alternadas rebocadas e pintadas de branco. As fachadas são ligeiramente inclinadas fazendo sobressair os planos verticais dos vãos e dos cunhais. O apoio da estrutura interna da cobertura é reforçado por pilares de pedra tronco-piramidais.
ESTADO DE CONSERVAÇÃO: Razoável
FUNÇÃO INICIAL: Armazéns
FUNÇÃO ACTUAL: Armazéns
BIBLIOGRAFIA E DOCUMENTAÇÃO DE REFERÊNCIA: Coisas da Nossa Terra. Crónicas, José Bettencourt Brum, Câmara Municipal da Horta, Horta, 1994
DATA DE LEVANTAMENTO: 1999-03-03
< anteriores


mapa: 10
Faial. Horta
Inventário do Património Imóvel dos Açores
Última actualização em 2006-03-07