91.10.5 MATRIZ DO CORVO
VILA NOVA DO CORVO • RUA DA MATRIZ
EDIFÍCIO ISOLADO
ARQUITECTURA RELIGIOSA
CONJUNTO PROTEGIDO (Resolução n.º 69/97, de 10 de Abril)
ÉPOCA DE CONSTRUÇÃO INICIAL: SÉC.XVIII/SÉC.XIX
DESCRIÇÃO: Igreja de nave única com sacristia e baptistério no lado da epístola e púlpito no lado do evangelho. Ao fundo da nave existem dois pequenos altares dedicados a Nossa Senhora do Carmo e ao Sagrado Coração de Jesus, respectivamente no lado do evangelho e da epístola.
Tem frontaria simples, com portal axial encimada por uma moldura (no interior da qual existe uma placa datada) ladeada por duas janelas. A fachada é rematada por um frontão encimado por uma cruz de pedra.
No lado direito encontra-se a torre sineira, de planta rectangular, com os vãos do campanário em arco de volta perfeita, encimada por um coruchéu facetado e por pináculos sobre os cunhais.
Toda a construção é em alvenaria de pedra rebocada e pintada de branco, com excepção do soco, dos cunhais, da cornija e das molduras dos vãos, que são pintados de cinzento. A cobertura é de duas águas em telha de meia-cana de produção industrial.
O edifício está ligeiramente elevada em relação à rua e inserido numa espécie de adro cujo pavimento é em calhau rolado delimitado por faixas de pedra aparelhada.
ELEMENTOS DATADOS: Inscrição numa placa de pedra colocada por cima do portal da entrada: "1795".
ESTADO DE CONSERVAÇÃO: Razoável
FUNÇÃO INICIAL: Igreja
FUNÇÃO ACTUAL: Igreja matriz
OBSERVAÇÕES: A igreja tem uma silhueta marcante, quer em relação à rua onde está implantada, quer no perfil do conjunto da povoação. Esta espécie faz parte de um conjunto edificado (91.11.4).
REMISSÕES: 91.11.4
DATA DE LEVANTAMENTO: 1998-07-18




seguintes >
mapa: 10
Corvo. Vila Nova
Inventário do Património Imóvel dos Açores
Última actualização em 2006-03-22